terça-feira, 10 de setembro de 2013

FGTS: Sindagua/RN ajuizará ação para correção do FGTS.

SINDAGUARN.COM.BR
Secretaria de Comunicação do Sindágua/RN

Clique nos links abaixo, imprima, preencha e entregue no Sindágua-RN ou ao diretor da sua regional, junto com os demais documentos listados no final deste comunicado.

1. Contrato de Prestação de Serviços Advocatícios - Ação FGTS
2. Procuração Judicial

O Sindágua-RN contratou escritório de advocacia com o objetivo de buscar na justiça recomposição de perdas do FGTS que chegam a 88,3% devido à correção errada da TR (Taxa Referencial), que é aplicada sobre o Fundo de Garantia.

A principal distorção reside no fato de a Caixa Econômica Federal adotar a TR como indexador dos depósitos do FGTS, abaixo dos índices inflacionários, gerando um enriquecimento sem causa da CEF e um confisco do patrimônio do Trabalhador.

As perdas sofridas pelos os trabalhadores já estão comprovadas, bastando observar que a inflação tem alcançado em média o percentual de 5% a 6%, e a TR, que reajusta os depósitos do FGTS tem sido 0%.

A situação é extremamente injusta e só pode ser reparada por uma ação enérgica da Classe Trabalhadora, protestando e buscando o poder judiciário, para reaver o que é seu por direito.

Como exemplo simplificado desse confisco observe que um trabalhador que tinha R$ 1.000, na conta do FGTS no ano de 1999 tem hoje apenas R$ 1.340,47, enquanto .os cálculos corretos indicam que a mesma conta deveria ter R$ 2.586,44, ou seja, uma diferença de R$ 1.245,97 a mais.

Todos os trabalhadores, ativos e aposentados, com saldo no FGTS entre 1999 e 2013, tem direito à correção.

Para entrar com a ação de reparação o associado deverá procurar o Sindágua/RN e assinar o contrato com o escritório de advocacia que estará disponível no site http://www.sindaguarn.com.br.

Mas atenção, trata-se de oportunidade única com a vantagens de poder pagar através de parcelamento. Se você não for ainda associado faça isso o mais rápido possível e assegure também esse direito que o Sindágua/RN traz para você de forma pioneira no nosso estado.

Prepare a sua documentação e entregue no Sindágua/RN ou a um de nossos diretores regionais.

CTPS (cópia da página onde o número do PIS está anotado; folha de rosto, qualificação civil, contratos de trabalho, data de adesão ao fundo de garantia)
Cópia do RG e CPF
*Extrato do FGTS desde 1999 até 2013 (obtido nas agências da Caixa Econômica Federal). (opcional).
Comprovante de residência.
Contra cheques (3 últimos, no caso de empregados ativos)
Carta de Concessão do Benefício (no caso dos aposentados).
Contrato e procuração assinados (retire na internet http://www.sindaguarn.com.br, ou no Sindagua/RN).

Alberto da Silva Moura
Presidente do Sindágua/RN

   
       
     
       
 
 
Mais informações?
Entre em contato com o SINDAGUARN.COM.BR, mande seu recado, envie sua crítica ou sugestão. Enviar.